em Cerpolo, Noticias

                Drywall é um sistema de placas de gesso presas em estruturas de madeira ou metal, que podem ser utilizadas como paredes e portas. Esse sistema foi desenvolvido há 70 anos, e até hoje é efetivado em países de primeiro à terceiro mundo, em soluções simples ou mais elegantes. Entretanto existem algumas dúvidas que surgem em torno desse material:

                – Não é possível a construção apenas com drywall, pois sua resistência é baixa e é um material indicado apenas para estruturas internas. Não é um material produzido para suportar a carga de telhados e lajes, portanto, cederia com facilidade;

                – A aplicação do drywall requer um planejamento de antemão, onde haverão especificações levando em conta o tipo de projeto e ambiente o qual será aplicado. Essa é uma parte importante, pois a má colocação pode causar a rachadura, quebra e talvez um material mais fraco do que é necessário para a instalação desejada;

                – É um material leve e de fácil transporte, além de ser totalmente re-aproveitável e de fácil colocação, o que evita bagunça, entulhos e dor de cabeça;

                – Uma das vantagens do drywall é que ele pode receber qualquer tipo de acabamento e pintura, além de ser necessário se for instalado em banheiros ou cozinhas. Ele também permite que você pendure espelhos, quadros, relógios e outros enfeites, por agüentar o peso do mesmo. Entretanto, pode dar um pouco de trabalho;

                – A instalação de portas pode ser feitas em drywall, recebendo quase o mesmo processo que paredes normais, com a fixação de montantes e vergas, batentes e trilhos;

                – Para instalação ou embutir objetos mais pesados como aparelhos televisivos ou bancadas de mármore, é necessário que esse peso seja reforçado e dividido, com a utilização de mãos francesas;

                – Os forros em drywall são mais resistentes que o gesso, pois apresentam uma estrutura metálica que o suporta, e em caso de tremores e pancadas, o gesso irá ceder com maior facilidade;

                – Placas de drywall tem uma durabilidade grande quando não são expostas à umidade, calor e agressões físicas constantes. Seu tempo natural é de 5 anos, podendo atingir muito mais se houver os cuidados necessários. Existem prédios onde a estrutura interior foi feita em drywall em 1973, e que até hoje estão em perfeito estado;

                – Drywalls são materiais muito indicados para isolamento termo-acústico e resistência ao fogo. Isso se deve, porquê por dentro ele pode ser forrado de lã de vidro ou rocha, que são dois materiais excelentes para as três tarefas, utilizados até em paredes e forros comuns;

                – Podem se tornar práticos em áreas molhadas como banheiros, onde se usa o RU na cor verde, pois contém fungicida, que evita a proliferação de fungos e mofos. Também podem ser aplicadas pastilhas e porcelanatos e um bom isolamento, que ajudarão a parede a durar muito mais tempo;

                – Não é indicado a utilização do material em saunas ou piscinas, pois há vapor e elementos químicos constantes, que podem alterar a estrutura. É mais indicado o uso de concreto, steel frame ou alvenaria comum;

                – Por sua facilidade e flexibilidade, é um ótimo material para reforma, podendo ser aplicado também sobre alvenaria existente, reformas de apartamentos antigos e construções tombadas. Também podem ser criados nichos e paredes curvas e em outros formatos, dando uma cara mais moderna e elegante à construção.

                Essas são algumas dúvidas básicas, mas que podem ajudar muito na hora de decidir o uso de drywall em sua reforma ou construção. E para tal, a Cerpolo dispõe do serviço de instalação também de forros, divisórias e brises, tudo para que seu projeto fique impecável. 

Deixe um Comentário

Comece a digitar e pressione Enter para pesquisar